A renúncia de ser mãe

12 de maio de 2014 / 19:00

Em meio à violência, à precariedade da educação, à degradação ambiental e tantas outras mazelas que têm atingido nossa vida cotidiana, é preciso somar a todos os requisitos da maternidade a fé. A capacidade de acreditar que as coisas irão melhorar, apesar de todos os sinais em contrário, é alimento essencial para o projeto de entregar uma nova vida ao mundo.

Justiceiros: o custo da justiça pelas próprias mãos

7 de maio de 2014 / 20:36

É difícil argumentar contra o acorrentamento de bandidos no poste quando vemos assaltantes em liberdade, assassinos inocentados em julgamentos manipulados e corruptos transformando penitenciária em hotel de luxo. Difícil também é explicar às duas filhas (1 e 12 anos) da dona de casa Fabiane, que sua mãe foi apedrejada até a morte no Guarujá, ao ser confundida com uma sequestradora de crianças, cujo retrato falado circula na internet. Quando falham as instituições, infelizmente é a lei da selva que prevalece.

Fiscalizar é preciso

5 de maio de 2014 / 20:13

Quando uma pessoa sabe que vai fazer algo errado, a primeira providência que toma é olhar para os lados e garantir que não há testemunhas. É mais difícil agir de forma irresponsável se alguém está olhando. A fiscalização intimida o “infrator”, que reflete sobre os custos da decisão, desde “beber água no bico” até “meter a mão no pote público”.

Trabalhar, trabalhar, trabalhar…

30 de abril de 2014 / 19:42

A falta de interesse na atividade produtiva, na geração de riqueza, na perseguição do sucesso pessoal, substituída por uma busca compulsiva do “prazer”, tem se tornado um problema cada dia mais evidente. As pessoas passaram a preferir a construção do ócio, mesmo que “não merecido”, à labuta diária.

Menores infratores: o futuro em risco

28 de abril de 2014 / 18:48

Mais de nove mil menores foram apreendidos na região metropolitana de BH em 2013. A população sente que está na hora de reduzir a menoridade penal e talvez esteja, de fato. Essa pode ser uma parte da solução, que também envolve educação de qualidade e mais oportunidades para os jovens.

Silenciar a imprensa é matar a democracia

25 de abril de 2014 / 19:48

Dados recentes da OEA colocam o Brasil no topo da lista dos países com maior número de jornalistas assassinados, no exercício da profissão, em todo o continente. Quando o jornalismo se torna uma profissão de risco, é porque os direitos dos cidadãos comuns já estão no fio da navalha.

Justiça que tarda, falha!

23 de abril de 2014 / 19:38

O STF marcou para esta quinta, o início do julgamento de Collor por crimes cometidos quando ele ainda era presidente. A justiça, que tarda, acaba virando motivo de chacota, uma vez que não faz justiça, mas apenas compõe uma etapa burocrática de confirmação das injustiças. Entre advogados é comum que alguém diga, em tom de brincadeira: "não gostou, pode me processar!"...

País bom de propaganda

18 de abril de 2014 / 17:57

O Governo Federal, acompanhado de quase todos os estados e de várias prefeituras, bateu mais um recorde de gastos com publicidade. Ao invés de ver vídeos com artistas declamando as virtudes, vitórias e conquistas do governo, preferia perceber, na vida cotidiana, algum tipo de melhoria.

Pão e Circo durante a Copa: querem distrair você!

16 de abril de 2014 / 20:30

Estão sendo organizados verdadeiros “blocos” de carnaval para atolar a população em pseudo-entretenimento durante a Copa. Ou fazem isso por demagogia, criando a falsa ideia de que a festa é para todos, ou se trata de manipulação com o interesse de silenciar as ruas, através da velha tática do "pão e circo".

Brasil no topo da lista

15 de abril de 2014 / 20:49

Uma semana depois do resultado que colocou o Brasil entre os piores em educação, estamos, finalmente, no topo de uma lista internacional: a dos países com os maiores índices de homicídio. A pesquisa da ONU afirma que 11% de todos os homicídios do planeta ocorrem por aqui. Será que isso significa alguma coisa?

Palestra: “Democracia, Cidadania e Participação”, em Varginha

14 de abril de 2014 / 18:30

É muito chato, e não nos traz grande benefício, quando as pessoas concordam com tudo o que falamos. As discussões e as manifestações fazem parte da democracia, mas ainda assim muitos não gostam de discutir e criticam quem sai às ruas para se manifestar. Saibamos que, enquanto não nos manifestamos, outras pessoas se manifestam por nós.

Quem financia as campanhas no Brasil?

11 de abril de 2014 / 20:56

Grande parte do dinheiro das campanhas eleitorais chega por meio do “caixa dois”, que serve principalmente para comprar votos, naquela velha ideia de trocar um voto por um favor. Muitas pessoas não percebem é que sai mais caro ganhar um saco de cimento de um político do que comprá-lo no depósito, uma vez que alguém está pagando por ele, e irá cobrar no futuro. Isso explica as obras inacabadas e superfaturadas pelo Brasil.